Autoconhecimento: você tem vivido o presente?

Dúvidas Frequentes

Solicite atendimento

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.


  • CENTRAL 0800 280 3155
  • Aracaju, SE (79) 9.9174-1435
  • Belém, PA (91) 99193-6529
  • Belo Horizonte, MG (31) 2555 5850
  • Blumenau, SC (48) 99975-1500
  • Boston, MA ️(781) 281-1932
  • Brasília, DF (61) 3013 4450
  • Campina Grande, PB (83) 99647-1637
  • Campinas, SP (19) 3368.4228
  • Campo Grande, MS (67) 98191-5557
  • Caruaru, PE
  • Curitiba, PR (41) 4101-1037
  • Florianópolis, SC (48) 3036-0305
  • Fortaleza, CE (85) 3133 3200
  • Foz do Iguaçu, PR
  • Goiânia, GO (62) 3142-0410
  • Joinville, SC (47) 99990-3613
  • Juiz de Fora, MG (21) 3952-6100
  • Lisboa, PT +351 968 499 990
  • Luanda, AO +244 945 869 990
  • Maceió, AL (82) 3185-7071
  • Manaus, AM (92) 3307-0480
  • Maringá, PR (44) 3052-0508
  • Mossoró, RN (84) 4042-2045
  • Natal, RN (84) 4042-2045
  • Niterói, RJ (21) 3952-6100
  • Orlando, FL +1 (321) 209- 0013
  • Palmas, TO (63) 99937.9125
  • Porto Alegre, RS (51) 3110-5611
  • Porto Velho, RO (69) 3229-6501
  • Recife, PE (81) 4042-2230
  • Ribeirão Preto, SP (16) 40421770
  • Rio de Janeiro, RJ (21) 3952-6100
  • Salvador, BA (71) 3106 0101
  • Santo André, SP (11) 96190-5985
  • São José dos Campos, SP (12) 3942-3907
  • São Luís, MA (98) 3311-7000
  • São Paulo, SP (11) 3810-0001
  • Teresina, PI 86 9 8876-6775
  • Uberlândia, MG (34) 3082-2022
  • Vitória, ES (27) 2142.3692

Preencha o formulário abaixo e fale com um de nossos consultores

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.

Autoconhecimento: você tem vivido o presente?

Temer o que ainda está por vir — o futuro — e apegar-se às dores que são apenas memórias — o passado — prejudica você em um momento definitivo na sua vida: o presente. Por outro lado, se você deixa de realizar algo porque tem ansiedade em viver o que ainda nem foi executado, você é a única pessoa impondo obstáculos entre você e os seus sonhos.

É sobre isso que vamos falar neste post: a ansiedade sobre coisas que ainda nem aconteceram, e também as dores do passado que deixamos que nos acompanhem por muito tempo.

Para tanto, vamos falar sobre o assunto batendo na tecla de dois conceitos essenciais para você começar a viver o seu presente: o autoconhecimento e a inteligência emocional. Veja só!

O que são ansiedade e depressão?

Embora ambas sejam perturbações psicológicas, cada uma pode se desenvolver de uma maneira, e diante das mais diversas situações.

A ansiedade, por exemplo, já alçou o Brasil na primeira colocação do ranking mundial. Isso resulta em 18,6 milhões de pessoas que se enquadram nos sintomas de ansiedade.

Já a depressão acomete 300 milhões de pessoas ao redor do mundo — e está correndo à passadas largas para se tornar a doença mental mais incapacitante de todas até este ano

Já deve ter dado para imaginar no quanto esses distúrbios podem ajudar a criar obstáculos para você buscar o sucesso imediato, não é mesmo? Ainda assim, vamos ver os sintomas mais comuns de cada um deles:

Ansiedade

Quando os transtornos se tornam frequentes e você deixa de seguir com a sua rotina ou planejar metas e objetivos por medo, insegurança e em qualquer nível de desenvolvimento, é possível que você esteja com ansiedade generalizada — mesmo sem saber.

Daí, a importância em aprender a reconhecer os sinais quando eles surgem em seus comportamentos e atitudes, como:

  • situações superestimadas com relação ao perigo. Isso torna a pessoa mais paranoica e até mesmo paralisada de medo ante a possibilidade de perigo que ela, e mais ninguém, está prevendo;
  • solução para os problemas descontados na comida — em excesso ou mesmo na ausência de alimentação;
  • alterações de sono, como a insônia ou mesmo as horas a mais, todos os dias, na cama;
  • tensão muscular;
  • preocupação excessiva e irritabilidade contínua, como se estivesse sempre à beira de um ataque de nervos;
  • medos irracionais.

Os sintomas físicos também podem ocorrer, como tremores, fadiga e impotência para reagir diante de qualquer tipo de situação que seja um gatilho. Podem, até mesmo, ocorrerem problemas gastrointestinais ou ataques do pânico.

Depressão

Por sua vez, a depressão pode até se manifestar de maneira similar à ansiedade, mas existem outros fatores que destacam-na em detrimento a qualquer outro tipo condição psicológica. Alguns dos sintomas se manifestam com frequência e constância, por exemplo, por duas semanas, pelo menos. Veja quais deles podem dominar os seus pensamentos:

  • humor em queda livre. Ora triste, ora repleto de ansiedade ou, às vezes, um vazio total de reações;
  • sentimentos de desesperança;
  • pessimismo com relação a si e aos outros;
  • irritabilidade;
  • falta de ação. Um desamparo e sensação de inutilidade que se refletem na falta de vontade até mesmo de sair da cama;
  • perda de interesse em atividades que, antes, davam prazer à pessoa;
  • fadiga e, até mesmo, mobilidade reduzida para locomover-se ou mesmo falar;
  • dificuldade de concentração;
  • dificuldade para dormir;
  • alterações de peso;
  • pensamentos negativos.

E onde você se encontra, no meio desse turbilhão de emoções e sentimentos tão confusos? Consegue se reconhecer em algum desses cenários? Se a resposta é sim, chegou a hora de agir e procurar ajuda de um profissional da saúde. Curar as suas feridas e reconhecer o que é necessário mudar são os primeiros passos para entrar em equilíbrio consigo mesmo e começar a alçar seu caminho para o sucesso.

Conhecer a si mesmo e aprofundar-se na identificação das suas emoções também pode colaborar para descobrir o que você mais precisa. É sobre isso que queremos falar a partir de agora, como ter mais autoconhecimento e compreender como você pode respirar fundo e começar a desenvolver uma nova atitude, novos hábitos e apoiar-se em sentimentos positivos. 

Para isso, você deve começar a sua jornada estando no presente.

 

Como estar presente, agora? 

 

O primeiro passo para isso é aprender estratégias que te ajudem a deixar de temer o futuro e soltar os grilhões que prendem você ao passado. Assim, você poderá focar no que realmente pode te fazer alcançar o sucesso: o presente.

Bom exemplo disso é o tipo de pessoa que fica remexendo nas mágoas do passado e não percebe que todos já superaram essa dor enquanto ela, e apenas ela, ainda fixa-se nessa questão e se vê incapaz de superar.

Ou, ainda, os indivíduos que temem as novas responsabilidades de um cargo de gerência e, por isso, paralisam diante da ideia de tomar mais atitudes de liderança, focadas apenas em manter o cargo atual. Sem falar nos hábitos prejudiciais que impedem você de ter uma rotina saudável e, também, considere as melhores ações e comportamentos para mudar de patamar (pessoal e profissional) na vida.

Vamos começar fazendo um exercício? Avalie quais são os seus objetivos em curto, médio e longo prazo e, depois, elenque os desafios e as oportunidades que você tem para alcançá-los.

Avalie quais são os riscos e problemas listados, e observe até que ponto eles são obstáculos práticos e não apenas a ação do medo que tem te tirado do caminho da realização dos seus sonhos. Às vezes, como já dissemos, nem percebemos que fechamos as portas para as chances que temos na vida — e isso pode estar relacionado com as feridas e dificuldades anteriormente citadas.

Para tanto, aqui vai as nossas grandes dicas para você girar a chave e buscar o seu sucesso imediato todos os dias:

  • viva o presente. Foque naquilo que te faça feliz e que ajude, mesmo que minimamente, a aproximar você dos seus objetivos e sonhos;
  • busque apoio emocional em parentes e amigos. Eles são os principais estímulos que você pode encontrar para transformar a sua vida, todos os dias;
  • encontre ajuda especializada de um profissional de saúde. Ninguém melhor do que eles para ajudar a identificar quais as suas necessidades e como transpor o medo da melhor forma.

Paralelamente, invista na sua própria vida e mente. Leia, informe-se, estude, aprenda sobre si mesmo. Também aproveite para conhecer a nossa série de vídeos Sucesso Imediato, no YouTube! Quem sabe, pode ser o seu primeiro passo para desenvolver sua inteligência emocional por meio do autoconhecimento. Nos vemos lá!

Deixe seu Comentário

Veja outras notícias sobre a Febracis