Entenda como uma infância feliz pode influenciar num futuro de sucesso

Dúvidas Frequentes

Solicite atendimento

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.


  • CENTRAL 0800 280 3155
  • Aracaju, SE (79) 9.9174-1435
  • Belém, PA (91) 99193-6529
  • Belo Horizonte, MG (31) 2555 5850
  • Blumenau, SC (48) 99975-1500
  • Boston, MA ️(781) 281-1932
  • Brasília, DF (61) 3013 4450
  • Campina Grande, PB (83) 99647-1637
  • Campinas, SP (19) 3368.4228
  • Campo Grande, MS (67) 98191-5557
  • Curitiba, PR (41) 4101-1037
  • Florianópolis, SC (48) 3036-0305
  • Fortaleza, CE (85) 3133 3200
  • Foz do Iguaçu, PR
  • Goiânia, GO (62) 3142-0410
  • João Pessoa, PB (83) 3035-3507
  • Joinville, SC (47) 99990-3613
  • Juiz de Fora, MG (21) 3952-6100
  • Lisboa, PT +351 968 499 990
  • Luanda, AO +244 945 869 990
  • Maceió, AL (82) 3185-7071
  • Manaus, AM (92) 3307-0480
  • Maringá, PR (44) 3052-0508
  • Mossoró, RN (84) 4042-2045
  • Natal, RN (84) 4042-2045
  • Niterói, RJ (21) 3952-6100
  • Orlando, FL +1 (321) 209- 0013
  • Palmas, TO (63) 99937.9125
  • Porto Alegre, RS (51) 3110-5611
  • Porto Velho, RO (69) 3229-6501
  • Recife, PE (81) 4042-2230
  • Ribeirão Preto, SP (16) 40421770
  • Rio de Janeiro, RJ (21) 3952-6100
  • Salvador, BA (71) 3106 0101
  • Santo André, SP (11) 4979-5203
  • São José dos Campos, SP (12) 3942-3907
  • São Luís, MA (98) 3311-7000
  • São Paulo, SP (11) 3810-0001
  • Teresina, PI 86 9 8876-6775
  • Uberlândia, MG (34) 3082-2022
  • Vitória, ES (27) 2142.3692

Preencha o formulário abaixo e fale com um de nossos consultores

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.

Entenda como uma infância feliz pode influenciar num futuro de sucesso

Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player abaixo!

Por meio de uma infância feliz, aprendemos lições valiosas. Certo e errado, bom e mau: questões que podem ser transmitidas diariamente e, com o discernimento desses extremos, identificamos o melhor caminho a ser seguido.

Vale destacar que, quando os pais não se atentam à importância em gerar uma infância feliz para as crianças, alguns medos e traumas não superados podem acompanhá-las para a vida adulta.

Crenças limitantes, falta de propósito e outras situações problemáticas podem advir daí, por exemplo.

Então, como orientar-se rumo a um futuro de sucesso? Neste post, vamos destacar o primeiro capítulo para isso, que começa com uma infância feliz. Confira!

 

A importância de uma infância feliz

felicidade

 

Pense, inicialmente, nos momentos felizes que você transformou em aprendizado e, especialmente, na formação de quem você é hoje em dia.

Entenda que isso pode ser uma situação que atua nas duas direções. Sem uma infância feliz, as pessoas podem ter uma inteligência emocional menos desenvolvida do que a de seus colegas, no ambiente de trabalho, ou mesmo dificuldades múltiplas, como:

  • dificuldade de aprendizado;
  • problemas com foco e concentração;
  • irritabilidade e impaciência;
  • problemas na construção e manutenção do autoconhecimento.

E é inegável o papel dos pais na composição de uma infância feliz para os seus filhos.

Em primeiro lugar, porque os comportamentos e atitudes dos adultos são a fonte primária de inspiração de uma criança.

Elas veem, elas simulam. O que um bebê vê e ouve soa natural diante de um mundo que ele desconhece quase que inteiramente.

Por isso, sem uma infância feliz, fica cada vez mais difícil apresentar soluções práticas para que a meninada cresça com maturidade, foco e conhecimento próprio para tomar decisões.

As dicas para construir uma infância feliz

infância feliz

Nunca é tarde para despertar ou reviver a infância feliz que você teve e deseja para as suas crianças. Vale observar, portanto, algumas dicas interessantes para isso!

Incentive a curiosidade

Leitura de quadrinhos, como A Turma da Mônica, ajudam a ampliar o conhecimento das crianças sobre o mundo. O mesmo vale para livros, filmes, peças teatrais e interações outras pessoas e também com a natureza.

Isso tudo estimula a curiosidade e, consequentemente, a formulação de perguntas, o questionamento fundamental para o pensamento crítico.

E, acredite: os pais têm papel fundamental nesse processo.

Dê problemas para elas resolverem

Uma infância feliz também tem suas derrotas, mas ela é formada por conquistas. Afinal de contas, são situações que permitem a valorização do esforço e encorajam a curiosidade a ir sempre além.

Por isso, é interessante oferecer as situações-problemas para que as crianças entendam a importância delas e transformem medos (como ir ao dentista, por exemplo) em combustível para enfrentarem os problemas.

Deixe-as expressarem suas emoções

aprendizado

Nada de coibir um sentimento! Não é por meio do medo que se constrói uma infância feliz, mas permitindo que as crianças se expressem da maneira como se sentem.

Assim, elas aprendem cedo a importância de dialogar, ter mais empatia e conhecer a própria maneira com a qual elas reagem aos problemas e também às boas sensações.

Desperte a imaginação das crianças

Já mencionamos isso, mas vale o reforço: procure sempre por novas ideias para que suas crianças tenham a imaginação afiada.

É por meio dela que se desenvolve a criatividade, por exemplo, e isso é elementar para buscar o sucesso — e estamos falando de situações pessoais e também profissionais.

Brinque com elas

Por fim, vale a pena entrar no mundo das crianças. Algo que permite reviver a infância feliz e promovê-la para os seus filhos também.

Entre no mundo delas, deixe que a fantasia invada a sua realidade, por alguns minutos diários, e compartilhem a mesma perspectiva.

Isso pode ajudar tanto a você visualizar novas soluções para velhas situações, como ajuda os seus filhos a terem novos modelos de inspiração para o tipo de pessoa que elas podem querer ser ao crescerem.

O que se desenvolve a partir de uma infância feliz

Com base nas dicas que apresentamos acima, você pode perceber que uma série de características são estimuladas constantemente.

E, como resultado, o amadurecimento vem acompanhado de alguém inestimável para a sua busca por metas, objetivos e uma missão de vida: você mesmo, mas a sua parte infantil.

Não há motivos para abandonar a criança que você foi. Afinal de contas, aquela criança deve morrer de vontade de conhecer o adulto que ela se tornou. E vale, aqui, uma pergunta: você se tornou o adulto que você queria?

Caso a resposta seja negativa, lembre-se que nunca é tarde (ou impossível) revisitar o passado para buscar a sua infância feliz e trazê-la para o presente.

Com base nisso tudo, a sua vida atual pode ser beneficiada por uma série de características, como:

  • curiosidade, que é um dos principais ingredientes para buscar novas respostas, fazer novas perguntas e almejar, continuamente, novas conquistas;
  • imaginação, que é o combustível das grandes ideias (e das menores também). Isso ajuda a gerar novos significados e fazer com que a obviedade nunca faça parte da sua vida;
  • simplicidade, o que se configura em amizades, empatia e no autoconhecimento para aprender como reagir melhor, diante de cada situação;
  • inclusão, promovendo ensinamentos valiosos sobre humildade, compartilhamento e também empatia;
  • foco para lidar com os problemas, a rotina e os desafios de maneira concentrada;
  • produtividade, pois o foco contribui para a atenção dedicada à resolução de suas responsabilidades;
  • diversão, porque mesmo as obrigações podem ser trabalhadas com transparência e leveza.

Dessa maneira, se você pretende levar adiante a ideia de uma infância feliz para os seus filhos, lembre-se de resgatar esses valores.

E, se está em busca de uma viagem ao passado, use as nossas dicas para reencontrar-se. Você está lá, à sua espera. Saiba disso.

O aprendizado desde cedo

infância feliz

 

Agora que você já conhece o valor da infância feliz, independentemente da idade que tenhamos, queremos fazer um convite para você: venha conhecer o CIS Educar!

A iniciativa é um dos braços da maior instituição de Coaching Integral Sistêmico do Mundo (a Febracis), que usa o CIS Educar para trabalhar em aliança, com famílias e escolas, na educação de crianças mais felizes e emocionalmente fortes. 

Entre os trabalhos contidos no programa, podemos destacar a importância e o desenvolvimento das competências emocionais durante a infância, e no uso delas para a geração de mais conexões e de crenças positivas — espantando, assim, as crenças limitantes.

Acesse o link acima e confira como qualificar ainda mais a trajetória das crianças em busca de uma infância mais feliz e de um futuro promissor! 

Deixe seu Comentário

Veja outras notícias sobre a Febracis