[Liderança] Como lidar com funcionários difíceis na prática?

Dúvidas Frequentes

Solicite atendimento

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.


  • CENTRAL 0800 280 3155
  • Aracaju, SE (79) 9.9174-1435
  • Belém, PA (91) 99193-6529
  • Belo Horizonte, MG (31) 2555 5850
  • Blumenau, SC (48) 99975-1500
  • Boston, MA ️(781) 281-1932
  • Brasília, DF (61) 3013 4450
  • Campina Grande, PB (83) 99647-1637
  • Campinas, SP (19) 3368.4228
  • Campo Grande, MS (67) 98191-5557
  • Curitiba, PR (41) 4101-1037
  • Florianópolis, SC (48) 3036-0305
  • Fortaleza, CE (85) 3133 3200
  • Foz do Iguaçu, PR
  • Goiânia, GO (62) 3142-0410
  • João Pessoa, PB (83) 3035-3507
  • Joinville, SC (47) 99990-3613
  • Juiz de Fora, MG (21) 3952-6100
  • Lisboa, PT +351 968 499 990
  • Luanda, AO +244 945 869 990
  • Maceió, AL (82) 3185-7071
  • Manaus, AM (92) 3307-0480
  • Maringá, PR (44) 3052-0508
  • Mossoró, RN (84) 4042-2045
  • Natal, RN (84) 4042-2045
  • Niterói, RJ (21) 3952-6100
  • Orlando, FL +1 (321) 209- 0013
  • Palmas, TO (63) 99937.9125
  • Porto Alegre, RS (51) 3110-5611
  • Porto Velho, RO (69) 3229-6501
  • Recife, PE (81) 4042-2230
  • Ribeirão Preto, SP (16) 40421770
  • Rio de Janeiro, RJ (21) 3952-6100
  • Salvador, BA (71) 3106 0101
  • Santo André, SP (11) 4979-5203
  • São José dos Campos, SP (12) 3942-3907
  • São Luís, MA (98) 3311-7000
  • São Paulo, SP (11) 3810-0001
  • Teresina, PI 86 9 8876-6775
  • Uberlândia, MG (34) 3082-2022
  • Vitória, ES (27) 2142.3692

Preencha o formulário abaixo e fale com um de nossos consultores

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.

[Liderança] Como lidar com funcionários difíceis na prática?

Como lidar com funcionários difíceis

 

Você já teve que lidar com funcionários difíceis?

Pessoas com uma personalidade difícil não concordam, geralmente, que estejam fazendo algo de errado. Elas alegam que são assim e são resistentes a mudanças.

O problema é que essas pessoas difíceis atrapalham o relacionamento da equipe, sua produtividade e, geralmente, causam conflitos por conta das suas atitudes.

O interessante é que essas pessoas também podem ser muito competentes e executar bem o seu trabalho, motivo pelo qual saber lidar com funcionários difíceis é uma habilidade gerencial importantíssima para o sucesso de um gestor.

Para ajudar os líderes, elaboramos uma lista com os tipos de funcionários difíceis e como lidar com cada um deles. Confira:

Quais são os tipos e como lidar com funcionários difíceis na prática?

Há diversos tipos de funcionários difíceis e você, provavelmente, já se deparou com alguns deles. Elaboramos uma lista com 6 tipos diferentes e mostraremos o que fazer para lidar com funcionários difíceis. Acompanhe!

1- Competitivo

Quem é? O funcionário competitivo é aquele que não para de buscar a meta a vencer, nem que para isso tenha que trabalhar o dobro do tempo, ferir emocionalmente os colegas, roubar ideias e prejudicar os demais.

O que fazer? Para lidar bem com esse tipo de colaborador, elimine as metas individuais e trabalhe com metas para toda a equipe. Isso mostrará a essa pessoa que ela deve trabalhar junto com os colegas para alcançar o objetivo da empresa. Depois de um período, se ele tiver percebido a importância do trabalho conjunto, é possível retomar as metas individuais.

2- Indeciso

Quem é? O indeciso é aquele que leva dias para tomar uma decisão e, quando decide, volta atrás para revisá-la mais uma vez. Ele faz isso repetidas vezes, muitas vezes, prejudicando o trabalho dos demais e atrasando mudanças importantes que devem ser feitas.

O que fazer? Sempre que esse funcionário precisar tomar alguma decisão, estabeleça um prazo para que ele entregue a solução. Com um prazo fatal, ele não terá espaço para ficar “empurrando” a decisão.

3- Questionador

Quem é? O questionador é o famoso “rebelde sem causa”. Não gosta de usar gravata e, por isso, questiona o ambiente formal da empresa. Não concorda com os prazos definidos pelo gestor e, por isso, não entrega as demandas em tempo. Pede mudança, mas não sugere o que deve ser feito nem as consequências disso.

O que fazer? É possível que essa pessoa não esteja trabalhando na melhor posição dentro da empresa. Coloque-o para trabalhar em uma função na qual os questionamentos são importantes. A título exemplificativo, esse funcionário pode trabalhar no SAC. Ele terá condições de atuar em prol do cliente para que as situações sejam resolvidas.

4- Procrastinador

Quem é? O procrastinador até entrega o que precisa no prazo, mas deixa o trabalho para última hora. Isso geralmente implica em dificuldades no dia a dia dos demais membros da equipe, já que no momento em que ele precisa da ajuda de alguém para algo, ele precisa “para ontem”. Ou seja, a falta de organização acaba tornando o trabalho de todos “urgente”.

O que fazer? Nesse tipo de situação, é necessário que o líder faça feedbacks contínuos relatando essa situação, a fim de que ele melhore com o tempo. Para que o trabalho não seja prejudicado, dê prazos mais curtos para essa pessoa, bem antes do prazo fatal, e cobre pessoalmente o cumprimento desta determinação.

5- Detalhista

Quem é? O detalhista está sempre disposto a dar explicações nos mínimos detalhes, tomando o tempo precioso do gestor e dos colegas de trabalho. Ele lista cada ponto do discurso e se preocupa em não deixar nada de fora.

O que fazer? Aqui também é importante destacar esse tipo de situação em um feedback formal. Além disso, deixe claro que você tem uma série de compromissos, assim como os demais membros da equipe, e de que as conversas durante o trabalho devem ser objetivas e sucintas.

6- Aquele que sempre faz drama:

Quem é? A pessoa que faz um drama de tudo é aquela para quem você fala qualquer coisa, desde o que fez no final de semana ou um livro bom que leu, que ela sempre encontrará algum ponto do que você falou para reclamar. O indivíduo vive lamentando e esgotando a energia de todos ao seu redor, nunca satisfeito com o que tem ou com a forma que vive.

O que fazer? Esse tipo de funcionário pode poluir o ambiente negativamente, portanto, deve ser estabelecido um limite para esse comportamento. Busque amenizar ou exterminar a postura dramática, através de conversas ou buscar o apoio da área de Recursos Humanos.

Como o líder pode se preparar para lidar com funcionários difíceis?

O líder precisa saber lidar com funcionários difíceis que afetam o dia a dia empresarial. Para melhor se preparar para enfrentar tudo isso com inteligência emocional, dar feedbacks construtivos e tomar decisões acertadas, é altamente recomendável que o líder faça um Coaching Executivo. Para esse treinamento, conte com a maior referência brasileira no assunto: a Febracis.

Temos inúmeros cursos e treinamentos que capacitam os profissionais para trabalharem com muito mais foco, autoconfiança e de maneira produtiva. A nossa dica para líderes que queiram aprimorar seus métodos e técnicas motivacionais é o curso Advanced Executive Coaching.

O Advanced Executive Coaching da Febracis confere diversos benefícios aos líderes:

  • Foco em gestão de pessoas;
  • Redução do desgaste com a equipe;
  • Desenvolvimento das competências emocionais de liderança;
  • Melhora no relacionamento da equipe; e
  • Muito, muito mais!

Nós lhe ajudaremos na sua transformação em um líder de alta performance que saberá lidar com todos os tipos de funcionários difíceis.

Para descobrir como o Advanced Executive Coaching pode te ajudar a alavancar sua carreira, clique aqui e surpreenda-se!

Conte conosco!

Deixe seu Comentário

Veja outras notícias sobre a Febracis