4 dicas para aplicar a gestão de conflitos nas organizações

Dúvidas Frequentes

Solicite atendimento

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.


  • CENTRAL 0800 280 3155
  • Aracaju, SE (79) 9.9174-1435
  • Belém, PA (91) 99193-6529
  • Belo Horizonte, MG (31) 2555 5850
  • Blumenau, SC (48) 99975-1500
  • Boston, MA ️(781) 281-1932
  • Brasília, DF (61) 3013 4450
  • Campina Grande, PB (83) 99647-1637
  • Campinas, SP (19) 3368.4228
  • Campo Grande, MS (67) 98191-5557
  • Curitiba, PR (41) 4101-1037
  • Florianópolis, SC (48) 3036-0305
  • Fortaleza, CE (85) 3133 3200
  • Foz do Iguaçu, PR
  • Goiânia, GO (62) 3142-0410
  • João Pessoa, PB (83) 3035-3507
  • Joinville, SC (47) 99990-3613
  • Juiz de Fora, MG (21) 3952-6100
  • Lisboa, PT +351 968 499 990
  • Luanda, AO +244 945 869 990
  • Maceió, AL (82) 3185-7071
  • Manaus, AM (92) 3307-0480
  • Maringá, PR (44) 3052-0508
  • Mossoró, RN (84) 4042-2045
  • Natal, RN (84) 4042-2045
  • Niterói, RJ (21) 3952-6100
  • Orlando, FL +1 (321) 209- 0013
  • Palmas, TO (63) 99937.9125
  • Porto Alegre, RS (51) 3110-5611
  • Porto Velho, RO (69) 3229-6501
  • Recife, PE (81) 4042-2230
  • Ribeirão Preto, SP (16) 40421770
  • Rio de Janeiro, RJ (21) 3952-6100
  • Salvador, BA (71) 3106 0101
  • Santo André, SP (11) 4979-5203
  • São José dos Campos, SP (12) 3942-3907
  • São Luís, MA (98) 3311-7000
  • São Paulo, SP (11) 3810-0001
  • Teresina, PI 86 9 8876-6775
  • Uberlândia, MG (34) 3082-2022
  • Vitória, ES (27) 2142.3692

Preencha o formulário abaixo e fale com um de nossos consultores

Verifique o preenchimento dos campos destacados
Sua mensagem foi enviada com sucesso.

4 dicas para aplicar a gestão de conflitos nas organizações

Você sabe como aplicar a gestão de conflitos nas empresas?

Trabalhar em um ambiente harmônico é o sonho de todos, tanto dos colaboradores quanto dos gestores. Entretanto, como esse local reúne pessoas com perfis, humores, ideias e crenças diferentes, é muito provável que conflitos ocorram.

Um verdadeiro líder deve ser capaz de manter o ambiente corporativo o mais saudável possível, através de uma gestão de conflitos eficaz e eficiente. A gestão de conflitos tem uma série de benefícios, como a gestão e retenção de talentos.

Como essa tarefa pode ser árdua, listamos 4 dicas que vão tornar clima organizacional da sua empresa mais saudável! Confira:

Dicas para aplicar a gestão de conflitos

Dica #1: Elimine as falhas de comunicação

falha de comunicação na empresa

O problema

Não é novidade que muitos conflitos têm sua origem em problemas de comunicação e falta de clareza.

Vejamos um exemplo: o gestor da equipe delega uma atividade a um funcionário, informando basicamente a tarefa e o prazo. O funcionário dedica-se à atividade e entrega-a no prazo fatal. Quando o gestor a analisa, percebe que está completamente diferente daquilo que ele esperava, e não há mais prazo para refazê-la.

Você percebe o que aconteceu? O gestor não deu os detalhes do projeto, não explicitou suas expectativas, não fez o devido acompanhamento. Por outro lado, o funcionário não procurou mais informações, não tirou suas dúvidas e entregou a tarefa no dia do prazo final.

Nesse cenário, a falha de comunicação não só compromete o trabalho e os objetivos do negócio, mas também a relação entre as partes envolvidas e o ambiente de trabalho como um todo.

A dica

Para evitar esse tipo de trabalho que gera conflitos, estabeleça procedimentos claros sobre a troca de informações dentro da empresa:

  • Registre as informações relevantes através de e-mails;
  • Mantenha atas das reuniões;
  • Quando uma tarefa tiver que ser delegada, agende uma reunião rápida para esclarecer todos os detalhes ou envie-os por e-mail;
  • Incentive os funcionários a sempre esclarecerem suas dúvidas.

Esses procedimentos podem parecer burocráticos no início, mas certamente contribuirão muito para eliminar a falha de comunicação. Se você quiser ir além na sua comunicação como gestor e líder, assista ao vídeo abaixo, onde o Master Coach Paulo Vieira trás a fundo o que você precisa saber sobre liderança.

Dica #2: Dissemine a importância da empatia

importância da empatia no ambiente corporativo

O problema

Muitos conflitos surgem em decorrência da falta de empatia entre os funcionários de uma organização. Incluem-se nesse aspecto situações que vão desde comentários ofensivos até brigas por conta de uma folga concedida a determinado colaborador, por exemplo.

Vejamos essa situação: você trabalha prestando suporte aos demais colegas que atuam diretamente com os clientes. Um colega lhe contata para pedir uma informação que ele poderia ter descoberto sozinho, através dos regulamentos da empresa.

Antes de dar o suporte, você o recrimina por ele não ter pesquisado sobre o assunto sozinho e tem uma atitude grosseira, um fato que depois gera um conflito entre as partes.

Nesse cenário, se você tivesse mais empatia, poderia considerar que o colega: estava na frente de um cliente e precisava de uma informação imediata; não tinha em mãos o regulamento; não encontrou a informação exata que precisava; não sabia se aquela regra se aplicava a esse caso e preferiu garantir ao invés de proceder com uma prática inadequada.

Se o colega não sabia a informação, pode ser que a comunicação na empresa não esteja funcionando de forma eficiente.

A dica

O gestor é a pessoa que deve demonstrar sua empatia em primeiro lugar, para incentivar esse posicionamento através do exemplo.

Quando perceber que um colega está reclamando do outro, mostre a ele através da empatia que a situação na prática pode ser diferente daquela que ele imagina.

Se esse for um grande problema na sua empresa, considere fazer um job rotation de curta duração para que os colaboradores possam entender melhor uns as funções dos outros e aumentar a empatia na empresa.

Dica #3: Sempre compreenda o conflito a fundo para resolvê-lo

Como aplicar a gestão de conflitos nas organizações

O problema

Muitos gestores tentam solucionar os conflitos de forma instantânea, tamanho o receio de que eles se alastrem e aumentem em escala. Entretanto, isso pode fazer com que o conflito e suas origens não sejam compreendidos em sua totalidade e a solução seja apenas momentânea.

A dica

Quando perceber a existência de um conflito, entenda qual a sua origem e escute as partes envolvidas. Entenda o lado de todos para que não fique um sentimento residual de injustiça.

Conhecendo as nuances da situação, será muito mais fácil pensar em uma solução e resolver completamente aquilo que atrapalhou o clima da equipe.

Caso queira entender melhor como montar um ambiente organizacional saudável, leia esse artigo e entenda sobre o assunto.

Dica #4: Dê feedbacks diretos e esporádicos

importância do feedback na gestão de conflitos

O problema

Os feedbacks são momentos extremamente importantes para impulsionar o crescimento dos funcionários. Entretanto, é importante que o gestor saiba qual a melhor forma de dar um feedback.

Quer ver um exemplo de feedback que deve ser evitado?

Digamos que o funcionário tenha enviado um relatório com dados desatualizados. Se o seu gestor direto perceber o erro, for até a mesa do funcionário e xingá-lo de forma rude na frente de todos os demais funcionários, esse fato pode desencadear uma onda de conflitos na empresa.

A dica

O feedback não precisa ser sempre positivo, já que ele deve refletir a postura do funcionário e o seu desempenho nas tarefas. Entretanto, ele sempre deve ser feito de forma individual e construtiva, pontuando-se situações que ocorram na prática para demonstrar ao funcionário o porquê do seu posicionamento. Isso gera uma relação de confiança e reduz conflitos.

Se for necessário dar um feedback imediato sobre alguma situação específica, agende uma reunião com o funcionário em uma sala reservada e pontue o ocorrido.

A administração de conflitos requer habilidade e é algo que se desenvolve através da experiência e conhecimento. Mas afinal de contas, quem deve ser o responsável pela gestão de conflitos? Isso vai depender da realidade de cada empresa, podendo ser o gestor da área, o departamento de Recursos Humanos ou o próprio CEO.

Business High Performance

É muito comum encontrarmos gestores e líderes que enfrentam problemas com gestão de conflitos. Enquanto outras empresas se destacam no mercado, sem precisar passar por isso.

O fato é que o mercado é o mesmo para todos e nesse mesmo mercado, com as mesmas condições, umas empresas conseguem ter muito sucesso e outras não. Isso acontece porque elas têm um modelo de gestão empresarial vencedor.

E é justamente isso que você aprenderá durante o Business High Performance, curso que permitirá você aplicar os mais modernos conceitos de business com foco em liderança, gestão e negociação.

Com os aprendizados, você poderá contribuir enormemente no aumento de desempenho da sua equipe e irá desempenhar um trabalho de alta performance.

Deixe seu Comentário

Veja outras notícias sobre a Febracis